top of page

Corinthians decepciona, Flu, Galo e Inter preocupam

Jogadores do Ituano comemoram e Cássio olha para longe com as mãos na cintura. Torcida do Timão decepcionada ao fundo.
O goleiro Cássio tentou evitar, mas deu Ituano que eliminou o Corinthians nos pênaltis

O final de semana proporcionou o maior vexame dos estaduais até aqui. A eliminação do Corinthians para o Ituano nos pênaltis, em pleno Itaquerão depois de empatar por 1 a 1. Mesmo Cássio tentando salvar, o time não se salvou nem se safou da decepção que gera insegurança para a temporada e para o técnico Fernando Lázaro. O Inter se classificou em segundo lugar geral no Gauchão, longe do Grêmio e do ideal de time, com goleada por 4 a 1 de virada contra o rebaixado Esportivo, que saiu na frente graças a um meio-campo fraco. Galo e Fluminense perderam seus jogos de ida para Athletic e Volta Redonda, 1 a 0 e 2 a 1, respectivamente. Graças ao regulamento, ainda podem chegar na decisão do Mineiro e Carioca com uma simples vitória. Perdas no meio-campo prejudicam o desempenho do Internacional

Luiz Adriano vibra com a camisa 9 do Inter após marcar gol
Luiz Adriano marca 1º gol na volta ao Inter no Beira-Rio Foto: Ricardo Duarte/SC Interncional

O Internacional precisa urgentemente de volantes, e não de centroavantes. Apesar de contar com Wanderson, Pedro Henrique, Luiz Adriano - que já marcou gol - e até mesmo o Alemão no ataque, a saída de Edenílson e Dourado fez com que o time piorasse, principalmente no meio-campo.

A chegada de Enner Valencia pode ser um reforço importante para o time, mas não pode ser o suficiente para suprir as perdas no meio-campo. Gabriel pode ter substituído bem Dourado, mas não é possível comparar Edenílson com Jonnhy ou Baralhas. O garoto Matheus Dias pode ser melhor aproveitado, mas ainda é frágil na marcação.

O desempenho do Internacional no ano passado deixou a desejar, com eliminações na Copa do Brasil e na Sul-Americana, além de não ter ganho o Gauchão contra o Grêmio rebaixado. Como pode estar melhor agora, com um elenco mais fraco, principalmente no meio-campo?

É hora do Internacional voltar suas atenções para a posição de volante e garantir jogadores de qualidade para fortalecer o meio-campo e buscar os melhores resultados. Antes que seja tarde demais. A Libertadores está logo ali. Eliminação no Paulistão aumenta pressão sobre diretoria e jogadores

Que vexame, Corinthians! Eliminado pelo Ituano em pleno Itaquerão, em um jogo que foi um verdadeiro desastre. E não, não vamos menosprezar o Ituano, do técnico Gilmar Dal Pozzo. Mas é inadmissível que o Timão não tenha conseguido passar por um time tão inferior ao longo do campeonato?

Será que os jogadores estavam concentrados demais no fracasso do técnico Vitor Pereira no Flamengo? E onde estavam Roger Guedes e Yuri Alberto, que sumiram na hora da decisão? O time sentiu falta de Renato Augusto, mas isso não é desculpa para o desempenho medíocre no Paulistão.

O gol de Paulinho foi um alívio em meio à tragédia, mas se não fosse por ele, a situação poderia ter sido ainda pior. O Corinthians abre a temporada com uma grande decepção, e agora a pergunta é: será que vai melhorar?

A diretoria do Timão precisa ter uma reflexão profunda sobre o que aconteceu e tomar providências para melhorar o desempenho da equipe antes da Copa do Brasil, Libertadores e Brasileirão. Só não vai colocar toda a culpa no Fernando Lázaro porque ai vai parecer que está com saudades do português. Desempenho abaixo do esperado coloca em risco classificação do Fluminense #Fluminense #Carioca #Desempenho #Reação #Classificação


Teria sido ressaca do título da Taça Guanabara? Ou o Fluminense simplesmente subestimou o Volta Redonda? O fato é que o time do técnico Fernando Diniz teve mais posse de bola, mas menos futebol, e acabou sendo pego de surpresa no contra-ataque. Pedrinho e Lelê marcaram para o Voltaço, enquanto Nino marcou o gol da salvação do Fluminense. Mas o time tricolor estava irreconhecível, abusando da bola aérea e cometendo erros básicos.

Graças ao regulamento, ainda há jogo de volta no Maracanã. O Fluminense precisa garantir uma vitória simples para chegar à final do Carioca. Domingo teve Gol e L de Lelê, mas para o Fluminense, a história foi outra: O favoritismo entrou pelo cano.


Quando Hulk vai mal, Galo perde

#AtléticoMineiro #Libertadores #hulk #Pressão #Confusão Uma coisa é o Atlético Mineiro perder sem Hulk, outra coisa é perder com o Hulk Perdendo pênalti. A derrota para o Athletic no jogo de ida da semifinal do Mineiro por 1 a 0 teria sido pior que a a derrota do Cruzeiro para o América-MG por 2 a 0? Levando em conta tudo que se espera do Galo, que ainda precisa avançar na Libertadores contra o Milionários, acabou sendo mais decepcionante.

Mesmo que o técnico Eduardo Coudet tenha poupado jogadores. Também não precisava que o jogo acabasse em confusão. O time de São João Del Rei não tem nada a ver com isso e agora pode se classificar com um empate, graças ao gol de pênalti de Jonathan. O lance ainda vai gerar muita discussão. Pra mim a bola no braço do Réver não foi pênalti. Mas o erro não pode servir de justificativa para o fim da invencibilidade do Galo em 2023 que só aumenta a pressão para o jogo da Libertadores contra o Milionários quarta no Mineirão.


Kommentare


bottom of page